.

.

.

Pesquise no Site

Boletim Sustentável

Preencha seu e-mail abaixo para receber nossa newsletter:

.

.

Mundo da Sustentabilidade
Energia solar vai gerar entre 60 e 99 mil empregos no Brasil até 2018

Energia solar vai gerar entre 60 e 99 mil empregos no Brasil até 2018

Os projetos de energia solar podem resultar em pelo menos 60 mil oportunidades de trabalho até 2018. Até o momento, as usinas solares vão instalar uma capacidade de 3,3 gigawatts (GW) incluindo as previstas para serem instaladas no Brasil nos próximos dois anos, considerando os empreendimentos contratados via leilões de energia de reserva e os que foram viabilizados no mercado livre pelo Estado de Pernambuco, segundo informações da Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (Absolar).

O setor estima que para cada megawatt solar instalado sejam criados entre 20 e 30 postos de trabalho (diretos e indiretos). Sendo assim, calcula-se que algo entre 60 mil e 99 mil novas oportunidades de emprego deverão ser criadas com o desenvolvimento do mercado de energia solar brasileiro.

 
Estudantes criam sistema que promete aposentar ar-condicionado e ventilador

Estudantes criam sistema que promete aposentar ar-condicionado e ventilador

Viver em um país tropical como o Brasil (ainda mais agora no verão) sem ar-condicionado ou ventilador é muito difícil, não é mesmo? Provavelmente, você tem ao menos um desses aparelhos em sua casa. O problema é que eles custam cada vez mais e, como se não bastasse, contribuem para o aumento do consumo de energia.

Ao pensar nisso, um grupo de estudantes do IAAC (Instituto de Arquitetura Avançada da Catalunha) desenvolveu um novo tipo de material que interage com a temperatura atmosférica: a cerâmica de hidrogênio.

 
Nível do mar subiu mais nos últimos cem anos que nos três milênios anteriores

Nível do mar subiu mais nos últimos cem anos que nos três milênios anteriores

O nível dos oceanos subiu mais rapidamente ao longo do século 20 do que nos três últimos milênios, devido às alterações climáticas, indica um estudo publicado na segunda-feira, 22 de fevereiro.

Entre 1900 e 2000, os oceanos e os mares do planeta subiram cerca de 14 centímetros, por causa do degelo, principalmente no Ártico, revelaram os autores do estudo publicado na revista científica americana Proceedings of the National Academy of Sciences (PNAS).

 
Startup aposta nos 'bike negócios' e cria cadastro nacional para bicicletas

Startup aposta nos  bike negócios  e cria cadastro nacional para bicicletas

Ao contrário dos automóveis – que podem ser identificados pelo Renavan ou placas, por exemplo – as bicicletas ainda não tinham um sistema de controle e rastreamento. Ao perceberem o problema do grande volume de roubo de bicicletas, quatro colegas de trabalho de Brasília resolveram largar os empregos que tinham para criar a Bike Registrada, uma startup voltada para um cadastro nacional das 'magrelas'.

 
Aplicativo gratuito ensina a fazer e cultivar hortas em casa

Aplicativo gratuito ensina a fazer e cultivar hortas em casa

Uma startup de Portugal aproveitou a tecnologia para facilitar a vida de quem pretende desenvolver uma horta em casa. O aplicativo Plantit – Horta em Casa dá informações e dicas práticas sobre o cultivo biológico de rúcula, coentro, salsa e morango, entre 28 variedades de hortaliças, frutas e ervas aromáticas.

Ao clicar na planta escolhida, o usuário vai aprender a cultivá-la com informações sobre a exposição solar, o tipo de solo e a estação do ano adequados, além de saber em que pratos adicioná-las.

 
Bateria da Tesla pode ameaçar rede elétrica tradicional

Bateria da Tesla pode ameaçar rede elétrica tradicional

A Tesla Motors Inc., mais conhecida por fabricar o sedã totalmente elétrico Model S, está usando a tecnologia das baterias de íons de lítio para se posicionar como líder do mercado emergente de armazenagem de eletricidade, que complementa, e até poderia chegar a ameaçar, a rede elétrica tradicional.

“Vamos lançar a bateria doméstica Tesla, uma bateria de consumo pensada para uso em residências ou empresas, muito em breve”, disse o CEO Elon Musk durante uma teleconferência de lucros com analistas, na quarta-feira.

 
Células orgânicas solares: nova tecnologia é leve e pode gerar energia solar em praticamente qualquer superfície

Células orgânicas solares: nova tecnologia é leve e pode gerar energia solar em praticamente qualquer superfície

Uma escolha ecológica: os painéis solares fotovoltaicos são uma ajuda tecnológica na luta para diminuir o impacto humano no planeta. Utilizando a própria luz solar, esses painéis trazem um estilo de vida mais ambientalmente amigável e consideravelmente mais barato, em longo prazo, para quem decide adotá-los.

Questões pouco conhecidas
Porém, apesar de proporcionar um tipo de energia renovável, sua fabricação não é nada sustentável. O processo necessita de muita energia, que, geralmente, vem da queima de carvão, liberando VOCs na atmosfera. Durante esse procedimento, o mercúrio também é um subproduto. Além de tudo isso, os painéis são feitos, principalmente, de silício - eficiente e abundante, mas que encarece o produto e pode ser perigoso se combinado com elementos químicos.

 
6 tipos de plantas que funcionam como repelentes naturais de insetos

6 tipos de plantas que funcionam como repelentes naturais de insetos

Plantar uma semente, regá-la, introduzir terra e acompanhar seu crescimento. Todas essas são práticas que os amantes de plantas adoram realizar - muitas vezes as encaram até como terapia. No entanto, certas plantas atraem insetos, que podem inibir o próprio crescimento dos vegetais ou trazer transtornos por causa de sua grande concentração e reprodução.

Uma possível solução passa pelo uso de pesticidas e repelentes, se não fosse o fato de que eles são nocivos não só para as plantas, mas para a saúde humana, pois contêm substâncias tóxicas. A melhor opção, mais saudável e ecológica, é criar plantas que repelem insetos em seu jardim, principalmente em locais com grande incidência de insetos.

 
Publicitários criam jogos ambientais para crianças em situação de risco

Publicitários criam jogos ambientais para crianças em situação de risco

O casal de publicitários Eduardo Melo e Luma Pinto, como parte do projeto de voluntariado itinerante Bem Trilhado, chegou à cidade de Cusco, no Peru. Lá, visitaram a Qosqo Maki, uma instituição que realiza atividades com crianças e adolescentes em situação de rua.

Em uma conversa rápida, ficaram sabendo de um projeto educacional de energia renovável/sustentabilidade e de que era preciso criar dinâmicas para difundir o tema se aproximando-as ao universo dos adolescentes.

 
Projeto 50 Telhados registra a instalação de 369 sistemas fotovoltaicos em 22 cidades brasileiras

Projeto 50 Telhados registra a instalação de 369 sistemas fotovoltaicos em 22 cidades brasileiras

Ao longo de 2014 e 2015, o projeto 50 Telhados, uma iniciativa do Instituto Ideal para a instalação 50 sistemas fotovoltaicos de 2 kWp ou 100 kWp de potência total por cidade participante, registrou a instalação de 369 telhados FV no Brasil. A ação, realizada em parceria com empresas instaladoras em 22 cidades do país, somou aproximadamente 2,38 MWp de potência instalada com uma geração estimada de 3,62 GWh por ano.

Para o presidente do Instituto Ideal, Mauro Passos, o Projeto gerou uma competição do bem, com resultados que comprovam a disseminação do uso da tecnologia FV, urbana por definição. “50 Telhados foi uma ferramenta de alavancagem e de ajuda na tomada de decisão pelo consumidor.”

 
População de SP pode denunciar focos de mosquito Aedes aegypti em site

População de SP pode denunciar focos de mosquito Aedes aegypti em site

A Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo lança nesta segunda-feira (1º) um site em que a população poderá denunciar focos de criadoros do mosquito Aedes aegypti. O objetivo é que os cidadãos indiquem pontos em que há evidências da presença do mosquito.

De acordo com o governo do Estado, as denúncias serão direcionadas das 645 cidades paulistas para que os municípios providenciem ações de eliminação e bloqueio de criadouros nesses locais.

 
Cidade sueca empresta bicicleta para quem deixa o carro em casa

Cidade sueca empresta bicicleta para quem deixa o carro em casa

A cidade de Gothenburg, na Suécia, resolveu distribuir bicicletas para as pessoas que mostram o interesse de deixar o carro em casa. De acordo com o projeto, você promete que vai se esforçar para utilizar a bike pelo menos três vezes na semana e o governo te empresta a 'magrela' por seis meses. O objetivo é que a população consiga testar o transporte antes de investir nele.

“Nós acreditamos que a bicicleta tem o potencial de atender as necessidades da maioria das pessoas”, conta Rickard Waern, o gerente da iniciativa, que contempla 36 pessoas de perfis variados, de estudantes a pais de filhos pequenos. Mostrar para a população que é possível quebrar as barreiras e adotar a bike no dia a dia como principal meio de transporte é a principal meta.

 
A Kombi do futuro será totalmente elétrica e interativa

A Kombi do futuro será totalmente elétrica e interativa

Na maior feira tecnológica do mundo, a CES 2016, a Volkswagen apresentou um protótipo futurista da Kombinationsfahrzeug... Ou melhor, da popular Kombi.

Após o escândalo ambiental no qual a empresa se meteu em 2015 (por instalar softwares em veículos para adulterar testes de emissão de poluentes), a nova Kombi pode representar uma "guinada verde", já que o BUDD-e (nome do protótipo) é uma van totalmente elétrica. Especula-se que o modelo possa chegar ao mercado mundial em 2019.

 
Descarte correto de pneus elimina criadouros do Aedes aegypti

Descarte correto de pneus elimina criadouros do Aedes aegypti

O governo federal está mobilizado para combater o Aedes aegypti, mosquito transmissor do zika vírus. A doença, em geral, é leve, mas capaz de gerar malformações congênitas nos bebês quando a gestante é picada pelo inseto infectado. Dados do Ministério da Saúde mostram que há 3.448 casos suspeitos de microcefalia em todo o país.

É uma situação inédita no mundo, que reforça a importância de eliminar os criadouros do Aedes, que também transmite dengue e chikungunya – além da febre amarela, para a qual existe vacina. Essas doenças têm vitimado milhares de brasileiros em todas as regiões da país.

 
Ônibus elétrico sem motorista transporta passageiros na Holanda

Ônibus elétrico sem motorista transporta passageiros na Holanda

Um ônibus elétrico, sem motorista, fez sua primeira viagem-teste na quinta-feira, 28 de janeiro, na cidade holandesa de Wageningen ao transportar seus passageiros por 200 metros. Chamado de WePod, o ônibus é parte de uma frota que será lançada nos próximos anos para transitar na região. A velocidade do ônibus foi de 8 km/hora, mas será de 25 km/hora quando estiver funcionando plenamente, informou a agência de notícias Reuters.

"É um marco", comemorou o diretor-técnico do projeto, Jan Willem. "Um veículo sem motorista nunca circulou em rodovias públicas."

 
Engenheiro defende possibilidade de tarifa zero no transporte brasileiro

Engenheiro defende possibilidade de tarifa zero no transporte brasileiro

O engenheiro civil Lúcio Gregori, secretário de Transportes da gestão Luiza Erundina (1989-1993) na prefeitura de São Paulo e elaborador do Projeto Tarifa Zero, disse que a gratuidade do transporte coletivo é o estágio final de um processo político de rearranjo de recursos e composições de fundos. “No Brasil, o subsídio tarifário é extremamente baixo. [Os governos] têm que dar subsídio maior e o limite é a tarifa zero”, afirmou.

Segundo ele, os subsídios não precisam ser arcados exclusivamente com impostos municipais, mas com a coparticipação de governos estaduais e federal, seja com empenho de recursos ou isenção de impostos.

 
Os 10 países mais sustentáveis do mundo em 2016

Os 10 países mais sustentáveis do mundo em 2016

Os países que melhor cuidam dos seus recursos naturais, investem em energias renováveis e garantem qualidade de vida a população foram conhecidos no último final de semana, em Davos (Suíça), quando foi lançado o Environmental Performance Index (EPI), ranking bienal elaborado por uma equipe de especialistas das universidades americanas de Yale e Columbia.

A mais recente edição do levantamento classificou 180 países com base em 20 indicadores distribuídos por 9 categorias: critérios de saúde ambiental; poluição do ar; recursos hídricos; biodiversidade e habitat; recursos naturais; florestas; energia e clima, entre outros. Cada categoria possui pesos diferentes.

 
Pela segunda vez na história, Pequim emite alerta vermelho por poluição

Pela segunda vez na história, Pequim emite alerta vermelho por poluição

Pequim emitiu nesta sexta-feira, 18 de dezembro, pela segunda vez na história da cidade, o alerta vermelho (o mais alto) por poluição atmosférica, devido aos altos níveis de contaminação do ar que estão previstos para o fim de semana. O alerta vai vigorar entre as 7h deste sábado (19) e as 12h de terça-feira (22).

Os serviços meteorológicos já tinham anunciado, na quinta-feira (17), que o norte da China sofrerá, a partir de sábado, a pior onda de poluição atmosférica do ano.

 
Programa de Geração Distribuída é lançado com foco em energia solar

Programa de Geração Distribuída é lançado com foco em energia solar

Ampliar e aprofundar as ações de estímulo à geração de energia pelos próprios consumidores, com base nas fontes renováveis de energia (em especial a solar fotovoltaica). Esses são os principais objetivos do Programa de Desenvolvimento da Geração Distribuída de Energia Elétrica (ProGD), lançado nesta terça-feira, 15 de dezembro, pelo Ministério de Minas e Energia (MME). A iniciativa pode movimentar pouco mais de R$ 100 bilhões em investimentos, até 2030.

A geração distribuída traz benefícios para o consumidor e para o setor elétrico: está no centro de consumo, o que reduz a necessidade de estrutura de transmissão elétrica e evita perdas. Até 2030, 2,7 milhões de unidades consumidoras poderão ter energia gerada por elas mesmas, entre residência, comércios, indústrias e no setor agrícola, o que pode resultar em 23.500 MW (48 TWh produzidos) de energia limpa e renovável, o equivalente à metade da geração da Usina Hidrelétrica de Itaipu. Com isso, o Brmasil pode evitar que sejam emitidos 29 milhões de toneladas de CO2 na atmosfera.

 
COP21 termina com acordo histórico em Paris, mas deixa lacunas

COP21 termina com acordo histórico em Paris, mas deixa lacunas

O primeiro acordo de âmbito universal para frear as emissões de gases do efeito estufa e lidar com os impactos da mudança climática foi estabelecido neste sábado, 12 de dezembro, durante o encerramento da 21ª Conferência das Nações Unidas sobre o Clima (COP21), em Paris. A decisão foi anunciada pouco antes das 16h30 (horário de Brasília) pelo ministro de Relações Exteriores da França, Laurent Fabius, que guiou as negociações ao longo das madrugadas decisivas durante a cúpula.

Horas antes, Fabius havia apresentado a proposta do documento final aos 195 países presentes para adoção, com um discurso que emocionou a plateia – a intérprete que fazia a tradução para o inglês não conseguiu segurar o choro, segundo relato do jornal alemão Deutsche Welle.

 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo > Fim >>

Página 4 de 89